segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Ator Luxã Nautilho em uma Mise-en-scène com elemento água


1ª Cena: Uma Mise-en-scène com elemento água
Uma harmonia perfeita entre o homem e o elemento água numa mise-en-scène que reflete liberdade de espírito, felicidade da alma expressada no sorriso, harmonia com a natureza, capaz do homem se lançar por inteiro com toda veste na água.
Outros seres na linguagem cinematográfica são animais, crianças, elementais, sobrenaturais
Aqui uma cena em plano sequencia (sem corte) que envolve o ator, outros seres e Mise-en-scène num ensaio cinematográfico. A piscina de água cristalina é formada por pequenas minas de água (mineral) brotando da terra, a parte de concreto foi erguida como parede para conter á água dando forma de piscina, na propriedade do casal Alfredo e Dalila, no lugar Boa Vista do Baixo Acará, Rio Guamá, município do Acará. Cena produzia pelo cinegrafista Sandro André que termina a cena dentro do olho do ator que contempla a natureza, usando câmera em movimento sem tripé. Esta é uma linguagem própria da cinematografia. 31.05.2014
Palavra originária do francês, significa "colocado em cena", podendo também significar a arte da encenação teatral ou cinematográfica. É a qualificação da arte como um todo. O sorriso, gesticulações, lágrimas, choro, grito, expressão facial, movimentos dos atores, o que devem fazer e falar.
O diretor teatral apurou a mise-en-scène da peça.

1ª Cena: Fonte de água fluindo na pisciana, uma das cenas do Filme “Do Olhar”
Aqui uma cena em plano sequencia (sem corte). A piscina de água cristalina é formada por pequenas minas de água (mineral) brotando da terra, a parte de concreto foi erguida como parede para conter á água dando forma de piscina, na propriedade do casal Alfredo e Dalila, no lugar Boa Vista do Baixo Acará, Rio Guamá, município do Acará. Imagem Nautilho. 31.05.2014