segunda-feira, 25 de julho de 2016

Foto de autoria de Luxã Nautilho, autorizada por ele para confecção de cartaz da OFICINA DE CRIAÇÃO CINEMATOGRÁFICA: EXPERIMENTANDO O EXPERIMENTAL, ministrada pelo cineasta Mateus Moura na Escola de Arte e Dança da UFPA, nos dias 16 a 20 de maio de 2016. Na foto aparece Mateus Moura ministrando um oficina de cinema na Curro Velho, sendo Luxã Nautilho um dos alunos do curso.

Matéria publicada na fanpage do Cineclube Etdufpa
OFICINA DE CRIAÇÃO CINEMATOGRÁFICA: EXPERIMENTANDO O EXPERIMENTAL 
Instrutor: Mateus Moura

O cinema clássico narrativo se propõe a contar uma estória. O cinema documental em registrar, sob um ponto de vista, a História. O cinema experimental não tem outra intenção além de experimentar. Se nas grandes estórias vivenciamos esteticamente sublimes catarses ou nos grandes documentos percebemos a condição humana de uma sociedade, é nos objetos radicais dos experimentalistas que atingimos o abstrato e onde mais aprendemos com relação à forma – que em tudo está presente quando o assunto é expressão. Na senda deste grande gênero da sétima arte a oficina estabelecerá o seu jogo. Partindo da própria linguagem para chegar à essência cinematográfica serão propostos exercícios críticos de contemplação e lúdicos de criação. Experimentar o experimental, e mergulhar na poesia cinematográfica.